30/11/2021  São Paulo

Supercolas possuem alta resistência e secagem rápida, mas existem soluções que removem os adesivos da pele, de objetos e superfícies

Os dedos grudaram? Saiba como remover cola instantânea

Bastou um descuido na aplicação da cola instantânea para uma pequena quantidade do produto respingar na mão, o suficiente para grudar os dedos ou algum tecido ou material indesejado, mas existem maneiras seguras para resolver esse problema. A colagem involuntária é algo tão comum que uma das maiores procuras em buscadores na internet sobre o tema cola instantânea é: como desgrudar meus dedos?

Para solucionar essa situação de maneira segura para o corpo ou outros itens, a química Luci Silva, gerente de desenvolvimento de produtos da Henkel, empresa que produz a Loctite Super Bonder, traz três maneiras de como remover o adesivo.

Água quente ou morna ajuda na remoção

As chamadas supercolas são adesivos líquidos à base de cianoacrilato, formados a partir de moléculas que, ao se juntarem, promovem a alta adesão de forma imediata, sejam em objetos, tecidos ou na pele. A água quente ou morna não elimina sozinha a cola instantânea, mas facilita no processo de remoção dos dedos grudados, ajudando o produto a se tornar sólido. Com isso, basta realizar movimentos suaves com a mão ou item mergulhado para auxiliar na descolagem.

"O Super Bonder, por exemplo, é insolúvel na água. Porém, a colocação dos dedos colados em água aquecida é indicada principalmente pelo fato de auxiliar na preparação da pele, deixando-a mais suscetível para o mecanismo de remoção e desprendimento do adesivo em conjunto com movimentos suaves", conta a especialista. "Com paciência e delicadamente, a cola vai se desprender da pele sem causar danos", afirma.

Removedor de unha é um bom auxiliar

Outra alternativa é utilizar removedor de esmalte de unha à base de acetona, que ajuda a desprender a cola. Neste caso, mergulhe os dedos no produto e com movimentos suaves, o desprendimento acontece. Feito isso, o uso de uma lixa de unhas de forma delicada, auxilia a remover o excesso do adesivo seco. Tenha cuidado no manuseio da acetona, principalmente evitar contato com os olhos, pois é um composto solvente, que pode trazer irritações à pele

"Em algumas situações, a pressa pode atrapalhar, então para todas as alternativas de remoção é necessário manter a calma, seja para dedos colados ou até mesmo demais superfícies. Em alguns tecidos, por exemplo, vale um cuidado extra, pois a acetona sendo um removedor, pode danificar a peça. Vale um teste em um pedaço pequeno antes de aplicar por toda a extensão evitando piorar a situação", explica a profissional.

Soluções específicas

Por fim, a solução mais indicada é o Loctite Descola Tudo, como o próprio nome diz, descola dedos colados e diversos tipos de resíduos de cola ou excesso indesejados de várias superfícies. "O produto é um removedor ideal para adesivos à base de cianoacrilato. É a forma mais eficiente e segura para resolver o problema", esclarece Luci.

Além de desgrudar os dedos colados com Super Bonder, o produto também auxilia na remoção de resíduos de colas, fitas, etiquetas adesivas, O processo é simples, onde aplicamos o removedor sobre o resíduo, deixamos agir por alguns minutos e de forma mecânica, a cola é retirada.

"Assim como a acetona, vale um teste prévio, pois tecidos e superfícies delicadas podem manchar", finaliza a química.

É essencial destacar que as supercolas não devem ser aplicadas em nenhuma parte do corpo humano propositalmente. Isso vale para tudo, inclusive o que é mais visto, como dentes, cílios, unhas e orelhas. A cola instantânea não foi desenvolvida para essa finalidade.